10 conselhos para escritores de Elmore Leonard

Quem gosta de literatura policial e faroeste deve conhecer Elmore Leonard. E, se não conhece, precisa. O escritor e roteirista estadunidense escreveu suas primeiras novelas, publicadas nos anos 50, mas Leonard viria a se especializar em romances policiais e thrillers, muitos dos quais foram adaptados para o cinema.

Entre alguns de seus trabalhos mais conhecidos estão Get Shorty, Out of Sight, Hombre, Mr. Majestyk e Rum Punch, este último adaptado para o cinema por Quentin Tarantino como Jackie Brown. Alguns de seus contos também se tornaram filmes, como Three-Ten to Yuma e The Tall T, assim como Justified, série de televisão exibida no canal FX.

Leonard faleceu em 2013, mas ele deixou uma lista de 10 mandamentos para jovens autores que procuram aprimorar seus estilos literários. Nas palavras de Elmore, ” Essas regras eu aprendi pelo caminho e me ajudaram a me tornar invisível enquanto estou escrevendo um livro, possibilitando que eu mostrasse a história, ao invés de contá-la.” Confira:

 

1 – Nunca comece o livro falando do tempo
Se é só para criar atmosfera e não para demonstrar a reação do personagem ao clima, não se demore muito. O leitor tende a pular essa parte, procurando por pessoas. Claro, há exceções. Se você é Barry Lopez, que tem mais maneiras de descrever a neve do que um esquimó, você pode fazer todo o relatório metereológico que quiser.

2 – Evite prólogos
Eles podem ser irritantes, especialmente um prólogo antes de uma introdução seguido de um prefácio. Mas estes são mais comuns em não-ficção. O prólogo na novela é a história pregressa. Você pode colocar isso em qualquer outro ponto do livro.

3 – Nunca use outro verbo além de “disse”, para demonstrar diálogo
O diálogo pertence ao personagem; o verbo é o escritor enfiando o nariz onde não é chamado. Mas “disse” é muito menos intrusivo do que “rosnou”, “murmurou”, “exasperou-se”, “mentiu”. Eu uma vez notei Mary McCarthy terminando uma fala de diálogo com “ela asseverou”. Eu precisei parar de ler e ir pegar o dicionário.

4 – Nunca use um advérbio para modificar o verbo “disse” O uso de advérbio nesse caso (e em quase todos os outros) é um pecado mortal. O escritor está se expondo, usando uma palavra que distrai e pode interromper o ritmo da conversa. Eu tive um personagem em um dos meus livros que escrevia romances históricos “cheios de estupros e advérbios”.

5 – Mantenha seus pontos de exclamação sob controle
Você pode usar no máximo dois ou três exclamações para cada 100 mil palavras de prosa.

6 – Nunca use palavras como “subitamente” ou “caos total”
Esta regra não precisa de explicaçnao. Eu notei que escritores que usam “subitamente” costumam ter menos controle de seus pontos de exclamação. Use regional dialect, patois, sparingly.

7 – Use regionalismos com moderação
Se você começar a escrever palavras foneticamente em seus diálogos, vai ficar difícil parar. Vá com calma.

8 – Evite descrições detalhadas de personagens
Ernest Hemingway, em  Hills Like White Elephants, descreve “O Americano e a garota com ele” de que forma? “Ela tirou seu chapéu e colocou sobre a mesa”. Esta é a única referência física da história. E ainda assim nós vemos o casal e reconhecemos seus tons de vozes, sem que um advérbio seja usado.

9 – Não dê muitos detalhes ao descrever lugares e pessoas
Evite que a descrição do cenário interrompa o fluir da narrativa.

10- Tente retirar as partes que o leitor tende a pular
Pense no que você pula quando está lendo um romance. Parágrafos longos que parecem ter palavras demais. Normalmente onde o autor está descrevendo o clima de novo, ou falando sobre o que o personagem está pensando. Ou o leitor sabe o que se passa na cabeça do personagem ou não se importa. Aposto que ele vai pular para o diálogo.

 

E você? Concorda com os conselhos de Leonard? Deixe seu comentário e participe da conversa. 

 

Anúncios

2 comentários sobre “10 conselhos para escritores de Elmore Leonard

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s