10 mandamentos da escrita do verdadeiro Don Draper

Nem todo fã do seriado Mad Men sabe que o personagem principal foi baseado numa pessoa real. Don Draper, o publicitário genial e atormentado vivido pelo ator John Hamm teve como inspiração David Ogilvy, um dos maiores profissionais da história do mercado publicitário.

Reza a lenda que, no dia sete de setembro de 1982, Ogilvy enviou um memorando para todos os funcionários de sua agência. O título da mensagem: “Como Escrever”. Segundo Ogilvy, “Boa escrita não é um dom. Você tem que aprender como escrever bem.” Em seguida, ele fornece dez conselhos que podem ser muito úteis, mesmo para quem não está tentando ganhar o próximo Leão de Ouro em Cannes. Confira:

1-Leia o livro sobre escrita de Roman-Raphaelson. Três vezes.

2-Escreva como você fala. Naturalmente.

3- Use palavras curtas, frases curtas e parágrafos curtos.

4- Nunca use jargões como reconceitualizar ou desmassificar. São marcas de um cretino pretensioso.

5 – Nunca escreva mais de duas páginas sobre qualquer assunto.

6- Cheque suas citações.

7 – Nunca envie uma carta ou memorando que você escreveu no mesmo dia. Leia em voz alta na manhã seguinte – e então edite.

8 – Se é algo importante, peça a um colega para revisar.

9- Antes de enviar, tenha certeza que está claro o que você quer que o leitor faça.

10 – Se você quer Ação, não escreva. Vá até o cara e diga pessoalmente o que você quer.

 

Você concorda com as dicas de Ogilvy? Deixe sua opinião nos comentários.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s